Quinta-feira, 15 de Maio de 2008

" " FOI DEUS " "

Por muito tempo andei

por caminhos desconcertantes

de perigos cheios e inconstantes

mas por DEUS só por lá passei.

 

A ELE devo muitas graças

de me ter afastado de tantas desgraças

e de um dia ter conseguido

me livrar de todo o perigo.

 

Tenho NELE um Grande Amigo

que me faz ver tudo com um verdadeiro sentido

o bom sentido da Vida

que ao passar pela grande avenida

sempre me afasta do inimigo.

 

Com estas palavras TE agradeço

pois hoje sei aquilo que não pareço

porque um dia não fui ninguém

e agora já pareço alguém.

 

De tantas noites atribuladas

sempre a descer escadas

e tantas horas desgraçadas

digo que foi através de TI

o que até agora eu consegui.

 

A TI agradeço meu DEUS

por estes novos pneus

que me Quisestes dar

e só na morte irão acabar.

sinto-me: Felicíssimo
música: Obrigado sim oh meu DEUS
publicado por barbeiropoeta às 17:48
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 14 de Maio de 2008

" ? QUE INDECISÃO A MINHA ! "

Vim de mini-férias a Lisboa

para uma noiva pentear

correu tudo numa boa

nesta terra da Madragoa

mas à quem insista mais uns dias ficar.

 

Até à quem queira cortar o cabelo

e não me importo de faze-lo

afinal de contas

são só mais umas pontas.

 

Segunda estive na serenata

e também no Bairro Alto

 

foi uma noite bem pacata!

 

Ouvi cantar o fado

por muitos em Portugal amado

apesar das vozes arrastadas

que soavam cá fora nas estradas.

 

Era um fado vadio

por algumas pessoas cantado

cá por fora um grande corredio

e lá dentro tudo estava sentado.

 

Depois de tantas emoções

e ainda maiores sensações

 

continuam dentro de mim as indecisões.

 

Já por cá trabalhei

e quanto eu gostei

mas por pouco tempo aguentei.

 

Ah...se eu pudesse voltar atrás

agora sei que seria capaz

de minhas vontades controlar

e por aqui continuar.

 

Foi falta de amadurecimento

estava agarrado a um sentimento

que não me saia do pensamento.

 

Os meus Pais tinham ficado para traz.

 

Como só se vive uma vez

porque Deus o mundo assim fez

vou aproveitar o momento

para ficar por Lisboa mais um tempo.

 

Porque apesar de tudo

há coisas que em mim não mudo

nem que vá até aos confins do mundo.

 

Por vezes não sei o que fazer

por num sentimento ficar retido

e por isso perco o sentido

de me envolver pelo prazer.

 

Nesta vida tão curta

em que todos os dias são uma labuta

já parece a recruta

 

em que é sempre a doer.

 

Mas temos de ser positivos

correr em todos os sentidos

até encontrar um bom cais

e de lá não sair mais.

 

Assim é a vida

fazer tudo com peso e medida.

Mas curtir sim...

porque tudo tem um Fim.

 

sinto-me: confuso,indeciso
música: " Feelings,nothing more than feelings"
publicado por barbeiropoeta às 15:51
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
Terça-feira, 13 de Maio de 2008

" " DESCULPEM " "

Desculpem caros leitores

tenho andado com falta de inspiração

por irrequieto andar meu coração

muitos têm sido os maus humores.

 

Mesmo por isso aproveitei

para vir dar um passeio

por pouco tempo ficarei

 

Lisboa já está muito cheio.

 

Já por aqui trabalhei

quantos cabelos eu cortei

foi na Marina Cruz

perto do Estádio da Luz.

 

Até gostei de cá morar

foi mesmo pena

por cá não ter conseguido ficar.

 

Um mundo bem diferente

daquele a que eu estou acostumado

nunca teria eu pensado

que no meio de tanta gente

não me teria habituado.

 

Agora que matar saudades vim

a esta Lisboa sem fim

digo a mim próprio

que de Mirandela

cidade também muito bela

não vejo Lisboa nem por um telescópio.

 

Chego até a ficar triste

de não ter novamente coragem

de fazer esta viagem

porque em Lisboa tudo existe

e de Mirandela é só uma miragem.

 

Nem sei se fique mais uns dias

sei que teria muitas alegrias

pois é a semana da queima

em que toda a gente teima

só se divertir

porque o que está a dar é curtir.

 

Desculpem nem sempre estar inspirado

mas por vezes um simples sabor amargo

leva-me para a escuridão

e não gosto de escrever coisas em vão.

 

 

sinto-me: de coração magoado
música: Lisboa menina e moça
publicado por barbeiropoeta às 19:47
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Quarta-feira, 7 de Maio de 2008

" " É PRECISO TER FÉ " " E EU ACREDITO...

Cá vamos nós Senhor

vamos todos ter Contigo

procuramos o Teu Amor

acolhe-nos no Teu abrigo.

 

A caminhada ainda é longa

e pela vida se prolonga

um pouco difícil de cumprir

pois Teus mandamentos temos de seguir.

 

 

Mas estando Tu do nosso lado Senhor

nada temos a recear

dás-nos todo o Teu Amor

e ensinas-nos a caminhar.

 

Que lindo nascer do sol nos deste

como é bom assim acordar

abrir a janela a noroeste

e a Tua luz  pelo quarto entrar.

 

Vou à procura do Teu caminho

à procura do Teu perdão

eu sei que Tens razão

por isso peço-te que não me deixes sozinho.

 

Vem em meu auxílio Senhor

pois eu sem Ti não sou nada

Levo uma vida desregrada

onde só vejo um poço sem fundo

no qual caberia o mundo,

por isso Te peço com  Amor

mostra-me o caminho Senhor.

 

 

sinto-me:
música: "Põe tua mão na mão do meu Senhor "
publicado por barbeiropoeta às 14:30
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Sexta-feira, 2 de Maio de 2008

" VAI-SE EMBORA UMA AMIGA "

Vai-se embora uma amiga

chama-se Sara

uma cara Bonita

mas enfim

é o que a vida nos dita.

 

Tiras-te o curso de enfermagem

e mesmo depois de tanta triagem

tornou-se teu esforço numa miragem.

 

 

Muito tu tentas-te

mas em Mirandela não ficas-te

Vais-te embora para os Açores

ai,

muitas vão ser as tuas dores.

 

Espero que te safes

e que comigo desabafes

que até uses o meu mail

pois tua vida será como um inter-rail;

em que tudo é novidade

e só tu saberás a verdade

desta tua nova história

que ficará sempre em tua memória.

 

Vais conhecer novas caras

algumas,

por vezes raras.

 

Mas é isso que tem piada

olharmos

e vermos outra fachada.

 

Aqui  por ti esperarei

somos ambos da mesma terra

ambos somos de Mirandela

e eu nunca te deixarei.

 

És um pouco mais nova

e até te vi crescer

e foi bonito de se ver;

 

Passas-te por mais uma prova.

 

 

Sábado já vais embora

dizes tu que está quase

vais por aí fora

construir  mais uma frase.

 

 

E é como diz o provérbio:

Quem muda

Deus ajuda;

mas isto vai ficar um tédio.

 

Sábado está tão perto

vou sentir tanto a tua falta

e já o mesmo diz a malta;

isto vai ficar um deserto.

 

Eu aqui fico a torcer

por ver-te regressar

não sei quando vai acontecer

mas eu por ti  vou rezar.

 

Tua história não tem fim

pois a vida é mesmo assim

vais  ficar a meia hora do pico

mas eu

eu por aqui me fico.

 

Sem mais nada para dizer

eu por aqui vou ficar a ver.

 

O que mais irá acontecer.

 

 

 

Estas palavras são para Ti  Sara

que tens mesmo uma linda cara.

 

Por aqui termino

à espera do próximo destino.

 

Beijos "boa viagem para lá

e que tenhas melhor regresso

é tudo o que peço,

quando voltares para cá.

 

                                              " " Diamonds are forever

                                              it's like a truth friendship

                                              it will never end's " " 

sinto-me:
publicado por barbeiropoeta às 00:28
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Julho 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. " Estranhas fases de vid...

. " " CORAÇÃO MIRANDELENSE...

. " " SAUDADES DE CASA " "

. " PORQUE TE ESCONDES "

. " " QUANTO TEMPO SERÁ PR...

. " QUERIA-TE A MEU LADO "...

. " " DE VAN GOGH " "

. " " O QUE EU MEREÇO, MAI...

. " " O ALÍVIO " "

. " AFLIÇÃO "

.arquivos

. Julho 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

.tags

. todas as tags

.links

.kortes

blogs SAPO

.subscrever feeds